quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Canção singela

gosto do vasto perfume do churrasco,
de música baixa, da noite
medonha sobre o mar, de
silêncios longos como o pensamento,
de amar-te ao acordar,
não gosto da falta de inteligência, da
intolerância,
de acordar cedo, de almôndegas
fritas, de ver passar, pálidas e inchadas,
certas grávidas aflitas.

João Melo

Sem comentários: