segunda-feira, 29 de abril de 2013

Noite de chuva

noite de chuva
é braseiro sem lume
não tem lua, nem estrelas

irmão, acende tua vela
e guarda a chama
hiena rondando teme a luz
e fogo se dá sem se ficar com menos

noite de chuva
é braseiro sem lume
não tem lua, nem estrelas

Arlindo Barbeitos

Sem comentários: