sexta-feira, 18 de maio de 2012

Revolta

quero, e não quero!...
creio... e desespero!...
renego, mas aspiro,
e em cada vira-volta,
mais grito e mais me firo!...
aonde esperei, não espero!...
aonde desejei, já não desejo,
e se algum dia vi,
hoje não vejo!...

deus... ó deus!...
para que lado ficam os teus céus?!...

Alda Lara

Sem comentários: