segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Tem homens nesta terra

tem homens nesta terra
que vivem no futuro.

o futuro tem corpo
na força dos seus braços
nos seus dedos que se prolongam nas kalashes
nos seus sonhos de paz que disparam as kalashes
e na luz que nos seus olhos se antecipam as madrugadas.

tem homens nesta terra
que não sentirão a morte.

as suas vidas nasceram
sobre as mortes que venceram
nas matas e cidades
que desenterraram das valas de comuns
que colheram das lavras em descanso.

tem homens nesta terra
que bebem o futuro no presente
e criam do varrer das conzas
a VIDA.

Arnaldo Santos

Sem comentários: