segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Evimbi

a sombra do pássaro
passou sobre a minha cabeça
de menino,
quando os meus pés descalços
faziam carreirinhos na sumaúma
espalhada nas margens macias
do rio tchimpumpunhime.

a sombra do pássaro
pairou negra sobre nós,
amigo mbula.
ao teu grito de medo
prendeu-se o meu assustado grito:
- vimbi. vimbi!!

a sombra do pássaro
passou sobre nós,
amigo mbula!...

Jorge Arrimar

Sem comentários: