segunda-feira, 12 de abril de 2010

Memória de infância

está o soba sob a sombra
que a mulemba traz sobre o chão.
sob o soba está a esteira
estendida sobre o solo.
dorme a sesta sob a sombra
o soba que o sol não sente
porque a sabida mulemba
ensombra o sol e sombra o soba.
está o soba sob a sombra
da mulemba da sanzala
sob o soba está a esteira
estendida sobre o sonho
sob a sombra da mulemba.

Namibiano Ferreira

3 comentários:

Ana Tapadas disse...

É grande poeta!
beijinho

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Mais uma vez o meu obrigado!
Kandandu

Nguimba Ngola disse...

epá!
que gostoso saborear esta delícia sob a sombra da mulemba com o Namibiano Ferreira.
Eis aí um poeta.